27 de janeiro de 2009

Aşure, Muharrem e Alevismo

O mês de Muharrem assinala-se no calendário islâmico 20 dias após o Festival do Sacrifício (Kurban Bayramı) e, portanto, começou no dia 29 de Dezembro de 2008. O doce tradicional associado ao Muharrem é o Aşure.
Tal como os Muçulmanos sunitas celebram o mês do Ramadão, os Muçulmanos alevitas celebram o mês de Muharrem, embora de forma bem diferente e mais discreta. Nos primeiros 12 dias do mês observam um jejum que tem o seu auge no dia 10 de Muharrem: Dia do Aşure (Aşure Günü), dia que marca o massacre de Karbala. Passados os 12 dias, os Alevitas preparam o Aşure que pode ainda ser consumido durante os restantes dias até ao fim do mês de Muharrem. É tradição oferecer o Aşure aos vizinhos e família, portanto, até ao final do mês dificilmente faltará em casa de um Alevita uma tacinha deste doce.
O Aşure é consumido em toda a Turquia e não só pelos Alevitas, com a diferença de que os Muçulmanos sunitas não observam a vertente religiosa e consomem o Aşure principalmente no Dia do Aşure (Aşure Günü). Também não fazem questão de o preparar com 12 ingredientes como dita a tradição alevita. O número 12 adquire especial importância na tradição alevita, uma vez que são 12 os imames que a sua religião venera, para além de Ali, o genro e sobrinho de Maomé. Os 12 imames representam a continuidade de Ali e são os seus filhos e, consequentemente, netos de Maomé.
O Aşure alevita tem então 12 ingredientes que são variáveis, com excepção da água, do trigo em grão e do açúcar que são os elementos básicos de todo o Aşure. Aqui fica um exemplo de um Aşure preparado de acordo com a tradição alevita:



2 copos de açúcar * 1 pitada de sal * 1 1/2 copo de trigo em grão * 1/2 copo de grão-de-bico * 1/2 copo de feijão branco * 1/2 copo de sultanas * 10-15 alperces secos * 1/2 copo de miolo de amendoim * 1/2 copo de miolo de avelã * 1/2 copo de miolo de noz * 1 maçã * água q.b.

Coza o feijão e o grão-de-bico. Coza também o trigo, que deverá ter estado de molho durante uma noite. Corte os alperces grosseiramente. Leve ao lume os alperces e as sultanas, cobertos com água, e cozinhe-os em água fervente durante 10-15 minutos. Numa panela grande, coloque o grão-de-bico e o feijão cozidos, assim como as sultanas e os alperces juntamente com a água da sua cozedura. Adicione mais água e cozinhe durante cerca de uma hora. Durante a cozedura verifique a quantidade de água, de forma a que o resultado final contenha bastante molho. Inicialmente cozinhe com a panela entreaberta e em lume médio. Quando começar a levantar fervura adicione o açúcar e deixe ferver durante 10-15 minutos. Dependendo da quantidade de água que adicionar rectifique o açúcar. Feche totalmente a panela. Descasque e corte a maçã em pedaços pequenos e adicione-a, assim como os amendoins inteiros, as avelãs inteiras e o miolo de noz partido grosseiramente. Coloque uma pitada de sal e misture. Continue a cozinhar e quando estiver pronto distribua o aşure por tacinhas individuais. Sirva frio.

Ver também: Aşure: O Doce da Partilha

4 comentários:

belinhagulosinha disse...

tens sempre historias maravilhosas...obrigada amiga pela partilha,jinhos grandes

m and m's disse...

Lídia,

Obrigada pelas óptimas receitas e factos de interesse sobre a Turquia publicados no Cozinha turca.

Para conseguir fazer algumas delas gostaria de saber qual é a capacidade do seu copo de medida? 200, 240, 250 ml ou outra?

Obrigada,
Marta

Lídia Lopes disse...

Marta,
Encontra aqui todas as explicações relativas às medidas utilizadas nas receitas deste blogue. Este link encontra-se disponível na barra lateral deste blogue na secção utilidades e com o título tabela de medidas.

m and m's disse...

Lídia,

Obrigada. Andei à procura no sítio errado.

Bom fim-de-semana,
Marta

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...linkwithin_text='Poderá também gostar de:'